Comic-Con San Diego, Séries de TV e Cinema A cobertura da Comic-Con feita por um brasileiro para brasileiros e muito mais!
  • scissors
    January 27th, 2012Edu TeixeiraSéries

    Chuck-cast-E finalmente chegou o dia de dizer adeus ao espião mais atrapalhado da TV desde Maxwell Smart, o famoso Agente 86. “Chuck”, a adorável e ingênua comédia de aventuras chega a seu fim hoje (27/01/2011) com “Chuck Versus The Goodbye”, um episódio duplo que irá ao ar nos Estados Unidos. Vai deixar saudades, mas não em tanta gente como deveria.

    A audiência conquistada por Chuck Bartowski (Zachary Levi) e cia. embora pequena, sempre foi extremamente fiel e combativa. A NBC não tem sido exatamente um modelo de sucesso nos últimos (muitos) anos e isso ajudou muito, mas sem dúvida foi esse público apaixonado que conseguiu renovar a série (inacreditáveis) quatro vezes.

    Descobri “Chuck” com três temporadas de atraso. Nunca dei bola para as insistentes chamadas da Warner. Tudo mudou na preparação para a cobertura da Comic-Con 2010. Na programação oficial do evento constava um painel de “Chuck” e como bom aprendiz de jornalista eu precisava me preparar. Não eram poucas as séries que estariam em San Diego e que eu não assistia. Sem querer acabei empurrando “Chuck” para o fim da fila. Só consegui ver o piloto e os três episódios seguintes dentro do avião na viagem entre Miami e Los Angeles. Me diverti horrores.

    Ao voltar ao Brasil mostrei o piloto para minha esposa. Daí em diante assistimos três temporadas em poucos meses até ficar em dia com os episódios da 4ª temporada que já tinha começado. Quando se assiste várias séries pesadas e densas – como é o meu caso – ter uma série leve (no bom sentido) como “Chuck” para acompanhar é quase uma necessidade.

    Chuck” é uma série clássica que será lembrada por todos durante anos e anos? Não, mas isso pouco importa. Os fiéis fãs da série nunca esquecerão as aventuras do nerd que virou espião, conquistou o coração de Sarah Walker (Yvonne Strahovski), uma estonteante agente da CIA e ficou amigo de John Casey (Adam Baldwin), um ranzinza agente da Agência Nacional de Segurança (NSA na sigla em inglês). Isso sem falar no resto da turma: o amigo de infância Morgan Grimes (Josha Gomez), Ellen (Sarah Lancaster) a irmã de Chuck, seu namorado Capitão Awesome (Ryan McPartlin) e a dupla completamente sem noção Jeff Barnes (Scott Krinski) e Lester Patel (Vik Sahay). Nunca esquecerei a dupla Jeffster cantando “Push It” do Salt N Peppa na maternidade durante o parto de Clara, sobrinha de Chuck e filha de Ellen. Simplesmente clássico.

    A cena de abertura do piloto com o agente Bryce Larkin (Matt Bomer de “White Collar”) roubando o Intersect e sendo baleado por agentes do Governo é ainda impactante. Recomendo que você reveja o piloto antes de assistir o episódio final. Vale à pena.

    Como última homenagem, deixo abaixo uma galeria de fotos da legião de atores convidados para as mirabolantes aventuras do Time Burtowski. Nenhuma série que eu lembre tem uma coleção de nomes em seus créditos como esta. Espero que gostem e perdoem se me esqueci de alguém. São tantos…

    Cincopa WordPress plugin

    Posts Relacionados:

    Tags:
  • scissors
    September 16th, 2011Edu TeixeiraSéries

    Não satisfeitos em ter uma loura estonteante no elenco fixo, os produtores de “Chuck” (NBC) resolveram exagerar na dose, confirmando a não menos espetacular Rebecca Romijn (X-Men) como atriz convidada no 6º episódio da 5ª e última temporada da série. Finalmente a Agente Sarah Walker (Yvonne Strahosvski) terá uma competidora a sua altura.

    Romijn será Robin Cunnings, uma misteriosa Agente da CIA conhecida por usar técnicas agressivas de interrogação. Para piorar, Cunnings é membro de um grupode  traidores que planeja incriminar Chuck (Zachary Levi) por um crime terrível.

    Outros convidados especiais confirmados são David Koechner (“The Office”) e Catherine Dent (“The Shield”). No 4º episódio da temporada, ele será Crazy Bob, um festivo gerente da Buy More que Chuck e Sarah encontram na Convenção do Empregado do Ano. Já Dent participará será Jane Robertson, uma amiga de Bob Louco, também uma gerente da empresa que agora pertence ao casal de espiões.

    Falando neles, Chuck e Sarah não economizarão na festa, como fica evidente pela escolha do local: O lindo Aloha Hawaiian Hotel e Resort localizado (pasmem) em Riverside, Califórnia.

    Chuck” volta ao ar para sua temporada de despedida nos EUA no dia 21 de Outubro.

    Posts Relacionados:

    Tags:
  • scissors
    August 20th, 2011Edu TeixeiraComic-Con, Séries

    Zachary "Chuck" Levi

    Chuck” foi lançada na Comic-Con de 2007 e assim como “The Big Bang Theory”, saiu de San Diego nos braços dos fãs. Infelizmente para a NBC, a série nunca conseguiu expandir sua base de audiência para a fatia não nerd dos telespectadores. A comédia da CBS teve muito mais sucesso nesse aspecto.

    De qualquer forma, as aventuras do espião Nescafé atraem regularmente mais de 4 milhões a cada episódio inédito segundo a Nielsen e quem gosta de “Chuck”, gosta muito. A cada fim de temporada o sofrimento era o mesmo. Somente com a ajuda de uma base muito fiel de fãs, a série – contrariando as expectativas – conseguiu chegar até sua 5ª e última temporada. Teremos mais 12 episódios para que as peripécias de Chuck Bartowski, sua família e amigos cheguem a um final digno.

    Se na Comic-Con nasceu, nada mais justo que na Comic-Con se despeça. Tive o prazer de estar no último painel de “Chuck” e era nítida a emoção de alguns dos atores e de muitos dos presentes no Ballroom 20 no terceiro dia da Comic-Con 2011. Camisetas de “Chuck” foram distribuídas na preview night e antes do painel e isso explica a grande quantidade de fãs “uniformizados” de técnicos da Nerd Heard da Buy More.

    O painel foi mediado por Michael Schneider da revista TV Guide que iniciou os trabalhos chamando um vídeo especialmente feito para a Comic-Con. Nele, o Capitain Awsome treina Morgan Grimes para ser o novo Intersect. O treinamento é inspirado no filme Rocky, o Lutador. Destaque para a música “Eye of the Tiger” do Survivor, cantada por ninguém menos que Jeffster.

    O mediador chamou na ordem os atores Mark Christopher Lawrence (Big Mike), Scott Krinski (Jeff Barnes), Vick Sahay (Lester Patel), Ryan McPartlin (Devon ‘Capitain Awsome’ Woddcomb), Adam Baldwin (John Casey), Joshua Gomez (Morgan Grimes), Yvonne Strahovski (Sarah Walker) e Zachary Levi (Chuck Bartowski). Em seguida foi chamado o produtor e criador da série Chris Fedak para completar a mesa.

    A seguir, minhas anotações do que aconteceu no painel:

    • O moderador faz referência ao painel do ano passado que não teve perguntas do público por ter perdido muito tempo na introdução dos atores. Segundo ele dessa vez haverá bastante tempo para os fãs: “Quando eu disser Tangiers, todos podem correr para o microfone”.
    • Scheneider: “Foi mais uma vez um sofrimento, nas no fim vocês conseguiram a 5ª temporada. Chris e os demais, por favor, falem de como é ter a chance de se despedir da maneira certa”. Fedak: “È incrível. Não é sempre que se tem a chance de se escrever o final desejado na televisão aberta. Alf (o ETeimoso) foi raptado por vilões e nunca soubemos o que aconteceu, pois a série foi cancelada”. Não são muitos que riem da piada. Alf não é exatamente uma série recente. Fedak continua: “Todos estamos muito felizes com essa oportunidade. Os escritores, o elenco e eu estamos muito excitados para fazer um grande final. Será muito divertido”.

      Yvonne Strahovski

    • Levi: “É um conjunto sortido de emoções. É uma benção a gente ter mais uma temporada na qual teremos muita diversão e teremos a chance de dar um adeus aos fãs o que é muito raro na televisão hoje em dia. Muito obrigado pessoal”.
    • Scheneider: “Josh, você é o Intersect agora. Nos fale a respeito”. Gomez: “PQP”. Essa piada todos entenderam. Gomez: “Acho que do jeito Morgan Grimes de ser, ele seguirá em frente a todo vapor. Acho que ao contrário do Chuck que pensa nas coisas e no bem estar das pessoas, Morgan quer machucar as pessoas e se vingar, então estou muito ansioso e apavorado”. Ele se vira para Levi e diz: “Eu tenho a sua agenda agora. É assustador. Eu não poderia estar mais feliz e espero que todos gostem…. Então veremos. Até agora, nada está bem”.
    • Scheneider: “E quanto ao Chuck? Ele não se importa de não ter mais o Intersect? Será que ele pode ainda ser um espião sem o Chuck-Fu?”. Fedak: “Em um mundo perfeito, ele aceitaria 100%, mas tirando a 1ª temporada, ele gosta de ter o Intersect. É difícil dizer adeus a essas habilidades, especialmente quando seu melhor amigo as tem agora, mas essaa temporada é uma volta ao começo para Chuck. Ele pensa em saídas inteligentes para os problemas e vamos voltar a isso. O Chuck tem que ser muito melhor agora. Ele terá que ser um espião sem os superpoderes”.Adam Baldwin
    • Scheneider: “Yvonne, você pôde chutar uns traseiros no episódio da Tailândia e em outros episódios. O que você espera fazer nessa temporada final? Como você acha que a Sarah evoluirá?”. Strahovski: “Espero ter um descanso agora que o Morgan assumirá a maioria das brigas, mas eu espero ter a chance de continuar a chutar traseiros. Eu adorei o episódio da Tailândia”.
    • Scheneider: “Adam…”. O público começa a aplaudir e gritar. Adam Baldwin é um dos favoritos da galera. Ele agradece. O moderador continua: “Ouvi dizer que talvez o Casey tenha um novo interesse romântico nessa temporada. Ele encontrará o verdadeiro amor?” Baldwin: “Defina verdadeiro”. Ele então olha um papel que aparentemente tem uma lista de coisas que podem e não podem ser ditas. “Ele encontrará um amor compatível. Humm. Qual o nome dela?”. Fedak: “Gertrude Verbanski. Fofo não?”.
    • Fedak: “O Chuck terá sua própria empresa de espionagem agora. A Carmicheal Industries e sua grande rival será a Verbanski Corporation. Será muito divertido. Haverá uma competição romântica”. Baldwin pergunta se pode indica alguém para o papel. Fedak: “Que tal a Betty White como Gertrude?” Boa! (*)

      Joshua Gomez

    • O moderador pergunta sobre o vilão da 5ª temporada. Fedak confirma que Mark Hamil, também conhecido como Luke Skywalker será o primeiro vilão. Haverá outros. Agora que a equipe está no setor privado, a CIA nem sempre estará do seu lado.
    • Fedak deixa claro que a atriz Bonita Friedericy (General Beckman) não saiu da série e estará na temporada final.
    • Scheneider: “Então Sr. Awsome, você e a Ellie tiveram um bebê, mas no final da temporada você começou a voltar para o mundo de Chuck. O que acontecerá com Devon e Ellie nessa temporada?”.  McPartlin: “Tenho várias ideias e tenho mandado várias notas para o Fedak”. Ele diz que o cabelo do Morgan tá cada vez mais parecido com o do Awesome e juntando isso com o romance do Casey, não sobre muito espaço para o Awesome nessa série.
    • O moderador explica que Sarah Lancaster (Ellie Bartowski) não pôde vir, mas manda lembranças.
    • Moderador pergunta como fica a situação de Big Mike, Jeff e Lester agora que a Buy More tem novo dono. Sahay pergunta se os três devem responder juntos e reclama que a pergunta poderia ter sido feita a apenas um deles: “Você poderia se dirigir individualmente. Eu sequer tenho um microfone só para mim” Fato.
    • Krinski comenta sobre um possível interesse romântico para Jeff.
    • Fedak: “Essa é a temporada que Jeff e Lester se separam… haverá uma grande guerra entre esses dois homens. Será muito dramático”.
    • O Jeffster com certeza terá um grande número musical de despedida na temporada final.
    • Fedak: “Alguém pode não sobreviver nessa temporada”.

      Scott Krinski e Vik Sahay

    • Moderador fala TANGIERS, a senha para público começar a formar a fila para perguntas.
    • Moderador pergunta como cada um gostaria que a série terminasse. Levi: “Sensacionalmente”. Gomez: “Não quero que acabe”. Strahovski: “Não tenho uma boa resposta. Adam…”. Baldwin: “Com a morte do Vic (o carro de Casey). Agora a resposta real. Eu ainda não estou convencido que acabará nessa temporada, mas eu não sei de nada…acredite no que estão dizendo”. McPartlin: “Acho que deveria haver uma trilogia tipo Lord of The Rings”. Sahay: “Um fim para o Lester igual ao do personagem de Willem Dafoe em Platoon. Uma morte gloriosa. De preferência em câmera lenta”. Krinski: “Acho que no fim da série deveria haver um bebê Jeff”. Sahay: “E como diabos isso aconteceria?”. Krinski::”Não seria nosso bebê”. Sahay: “Por favor, esclareça”. Krinski: “Tipo o resultado de um caso de uma noite”. Sahay: “Com outras pessoas!”. Krinski: “Isso. Com outras pessoas”. Esses dois são impagáveis.
    •  Lawrence: “Assim como todo o show foi até agora, deve terminar engraçado”.
    • Começam as perguntas do público. Minha paciência está curta no 3ºdia. Vou anotar somente o que eu achar interessante.

      Mark Christopher Lawrence

    • Fã pergunta sobre um possível spin-off com Casey e Morgan nos moldes  de “Odd Couple”. Os atores levam na brincadeira como se a sugestão fosse para eles serem um casal nessa “nova série”. Gomez brinca que está ela sendo desenvolvida. Levi brinca dizendo que eles não querem ser o Joey, o spin-off de Friends. McPartlin intercede defendendo Joey.
    • Fã pergunta para Levi sobre sua memória favorita da série. Levi: “O tempo que passei nas Comic-Cons com vocês. Tenho que dizer que foi vir à San Diego no primeiro ano. Eu estava tão feliz de ter sido convidado”.  Ele continuou: “Tinham 2000 pessoas na exibição do piloto e as 2000 pessoas eram fãs de Firefly. Era um salão menor e eu comecei a chorar quando todos aplaudiram de pé”.
    • Fã pede um abraço. Levi: “High fives de graça nesse fim de semana todo”.
    • Fedak diz que Devon e Ellie participarão mais ativamente das histórias. Ellie agora sabe que Chuck é um espião.
    • Moderador pergunta se Linda Hamilton voltará e Fedak diz que sim.
    • Fã: “Gostaria de saber qual a cena de ação favorita de vocês”. Levi: “Eu gosto da cena que caio de uma varanda em uma piscina com o Adam”. Strahovski: “A cena que lutei em uma passarela de desfile de moda”. Baldwin: “A minha foi uma cena que o Zach caiu do telhado e eu o peguei com um braço. Foi difícil, mas eu consegui”. McPartlin: “A cena Pulp Fiction que fiz com Brandon Routh quando enfio uma agulha enorme no peito dele”. Sahay: “A minha foi…peraí, eu não tive uma”. Lawrence: “Só tive três e gotei de todas, mas escorregar pelo balcão foi a melhor”.

      Ryan McPartlin

    • Fã: “Essa temporada irá explicar por que o cérebro de Chuck é tão especial? Parece que outras pessoas estão conseguindo o Intersect facilmente. Vocês vão explicar a ciência por trás disso?”. Fedak: “Bem, vamos dizer o seguinte…”. Nesse momento Baldwin passa a cola com o que não pode ser dito no painel para o produtor. Levi e muitos presentes caem na gargalhada. Depois de se enrolar muito para responder, Fedak diz: “Cada pessoa reage de forma diferente quando tem o Intersect”. Essa foi a melhor pergunta do painel. Dificilmente alguma que virá será melhor.
    • Strahovski diz estar curiosa para ver a “cara de flash do Morgan: “Você tem treinado? Poderia nos dar uma demonstração?”Gomez: “Eu não posso. Isso é um spoiler grande demais”. Levi puxa o coro de “FLASH, FLASH, FLASH, FLASH…”.  Gomez conta que foi na sala dos roteiristas e perguntou se teria que fazer a “cara de flash” exatamente igual a de Levi. Ele diz ser impossível imitar, mas tenta. Nem preciso dizer que a cara era impagável.
    • Um fã pede um disco de grandes sucessos e uma turnê de despedida do Jeffster. Sahay: “Considere feito”.
    • O moderador pergunta sobre a vida após a morte de Chuck: “algum filme ou spin-off no futuro?”. Fedak: “Adoramos a ideia e o nosso show será sempre uma aventura de continuação. Eu adoraria que o fim da série fosse apenas um início de novas aventuras. É um elenco tão legal. Eu acho que realmente deveria haver um show do Capitão Awesome na televisão”.
    • Moderador: “Em outras palavras, continuem a comer sanduíches do Subway”. Fedak: “Isso. Continuem”. A rede de lojas de sanduíche é a principal patrocinadora de Chuck.
    • Fã pergunta o quanto cada um contribuiu para o desenvolvimento de seu próprio personagem. Levi: “Muito pouco”.
    • Vale a pena dizer que as perguntas do público estão bem acima da média. Uma lição para os fãs de Dexter que abusaram das perguntas ridículas ontem.
    • Fã pergunta se algum dia veremos um episódio de Chuck filmado na Comic-Con. Fedak: “Adoraríamos, mas na verdade é complicado. Chegamos a pensar em trazer a equipe de câmeras conosco para filmas algumas coisas e usar no futuro, mas não deu.”
    • Última pergunta. O público lamenta.

    Joshua Gomez, Zachary Levi e Chris Fedak

    • Fã pergunta quem ganharia uma luta entre Casey e Janey (personagem de Baldwin em Firefly). Baldwin: “Esse é um painel de Chuck, logo Casey venceria”.
    • O moderador abre o microfone para os atores se despedirem do público. Momento bastante emocionante. Fedak agradece o público presente por todo apoio e agradece também aos sanduíches Subway. Levi com os olhos cheios de lágrimas diz que todos aqui são épicos e sensacionais. “Gostaria de agradecer à Comic-Con de San Diego por nos deixar vir aqui 5 anos atrás e começar tudo isso”.
    • E o painel termina com todos aplaudindo de pé. O público e os participantes.
    • (*) Depois da Comic-Con foi divulgado que a atriz Carrie-Anne Moss (“Matrix”) fará o papel de Gertrude Verbanski.

    Posts Relacionados:

    Tags: ,
  • scissors
    August 13th, 2011Edu TeixeiraComic-Con, Promos

    Dando continuidade aos sorteios dos brindes trazidos da Comic-Con 2011, chegou a hora de sortear uma (1) camiseta de “Chuck” (NBC).

    Se você quer ganhar essa camiseta maneiríssima exclusiva da Comic-Con 2011, siga as regras abaixo:

    1) Dê um RT ou crie um Tweet divulgando o link: http://kingo.to/M24
    2) Siga @EduTexSilva
    3) Siga @LeriaseLixos
    4) Siga @CineSeries

    Data do sorteio: 20/08/2011 – Sábado

    Mole né? Boa sorte!

    ATENÇÃO: Preste atenção no link que você está dando RT. Se não for o link acima, você não está concorrendo.

    Sorteio realizado em 20/08/2011 e o vencedor é @dumdum_mo.

     

    Posts Relacionados:

    Tags: ,
  • scissors
    May 14th, 2011Edu TeixeiraSéries

    Essa bomba sobreviveu

    Parecia uma briga de foice em um quarto escuro. Ontem as grandes redes americanas de TV aberta abriram a caixa de ferramentas e o resultado foi um verdadeiro banho de sangue no horário nobre. Mas a sexta-feira 13 não foi só de más notícias. Algumas séries foram renovadas, inclusive – a aparentemente imortal – “Chuck”. Além disso, NBC, CBS, ABC, FOX e, até a CW, começaram a anunciar os projetos escolhidos para virarem séries na próxima temporada.

    Abaixo, farei um balanço dos acontecimentos, dando minhas opiniões sobre as decisões.

    Como bem disse minha amiga Marina Musa do Cine Séries, “a ABC ligou o fo%$-se” e cancelou “Better With You”, “Brothers & Sisters”, “Detroit 1-8-7”, “Mr. Sunshine”, “No Ordinary Family”, “Off The Map” e “V”, renovando “Body of Proof”, “Desperate Housewives” e “Happy Endings”.

    A grande maioria faz sentido, principalmente por conta do esgotamento de “Brothers & Sisters”, da falta de pegada de “V” e de qualidade das demais, mas duas decisões da ABC me deixaram triste. A renovação da péssima “Body of Proof” e o cancelamento da melhor sitcom lançada nessa temporada, “Better With You”. Não discordo delas, pois acredito que, na maioria das vezes, as redes tomam essas decisões de negócio embasadas pelas estatísticas de audiência e cálculos de custo/benefício. Está dando lucro, fica, não está, roda. É duro, mas é isso.

    A CBS foi a única das grandes redes que não anunciou nada além da aprovação de alguns projetos. Falo deles mais tarde.

    A FOX começou a carnificina no meio da semana. Cancelou “Breaking In”, “The Chicago Code”, “Human Target”, “Lie to Me” e “Traffic Lights”. Dessas, apenas “The Chicago Code” merece considerações. Particularmente gostava muito dela.  Além de um ótimo elenco, Shawn Ryan escreve bem demais. Fica a sensação que se fosse exibida na CBS, por exemplo, seu destino poderia ser bem diferente. No cômputo geral, A FOX merece crédito por ter renovado “Fringe”. Essa sim, uma decisão muito mais baseada em qualidade do que em lucro.

    Zachary Levy e o colírio Yvonne Strahovski

    A NBC, a lanterninha em termos de audiência, precisa de mudanças e elas virão. Animada pela boa estreia do reality show (eu odeio) “The Voice” no fim da temporada, a outrora líder quer virar o jogo. Passou a régua em “The Event”, “Law & Order: Los Angeles”, “Outsourced” e “Perfect Couples”, e renovou “Parenthood”, “Harry’s Law”, e surpreendentemente, “Chuck”.

    Não me entenda mal. Eu adoro o espião atrapalhado que conquistou a loira dos sonhos (dele e de qualquer homem heterossexual do planeta). O problema é que a audiência da série vem mal das pernas no fim da temporada, batendo recordes negativos na faixa etária dos 18 aos 49 anos. O voto de confiança da emissora ao encomendar 13 episódios para a próxima temporada pode ser encardo de duas formas. Ou eles querem dar uma chance para a série de ganhar tração, conseguindo depois os outros 9 para completar a temporada, ou essa será a leva final e os produtores e roteiristas precisam pensar em um plano de despedida. Pessoalmente, torcerei para “Chuck” enganar a morte mais uma vez.

    Eu gostava de “Outsourced”. Ela nos deus um dos melhores personagens da temporada, o Gerente Assistente Rajiv (Rizwan Manji), mas entendo que não tenha caído no gosto da maioria. “Harry’s Law” começou bem, mas perdeu gás e sua renovação me surpreendeu um pouco. Já “The Event” não entendeu a lição ensinada por “Flash Forward” na temporada passada: depois de “Lost”, séries de sci-fi disfarçadas de drama precisam ter algo mais, dar algo melhor ao público. Se ficar enrolando muito, a galera troca de canal. Os produtores ainda procuram uma alternativa para manter a série viva. O NetFlix, gigante de aluguel online e por streaming de filmes, anunciou que pretente passar a fornecer conteúdo original e pode ser o destino de “The Event“. Só não prendam a respiração esperando por isso.

    Detalhes sobre os projetos que foram aprovados e descartados em um próximo texto, ainda nesse fim de semana.

    Posts Relacionados:

    Tags: , , , , , , , , ,
  • scissors
    May 9th, 2011Edu TeixeiraSéries

    Na maioria das vezes, as atividades de um casal de noivos na véspera do grande dia se resumem a relaxar e aproveitar as últimas horas de “liberdade”, mas quando os pombinhos são Chuck e Sarah, as coisas podem ficar um pouco mais complicadas. Eu disse um pouco? Apaga. Muito mais complicadas.

    Hoje vai ao ar nos Estados Unidos o penúltimo episódio da 4ª temporada de “Chuck”, “Chuck versus the Last Detalis” (4×23). Vamos torcer muito para que o episódio da semana que vem não marque o fim da série, que continua sem definição sobre sua renovação.

    Separei dois vídeos promocionais para ajudar na espera. Espero que gostem.

    Promo 1

    Promo 2

    Posts Relacionados:

    Tags:
  • scissors
    April 13th, 2011Edu TeixeiraSéries

    Beleza nunca faltou, mas ao aceitar fazer esse vídeo para o site CollegeHumor, a estrela de “ChuckYvonne Strahovski mostrou que tem peito….oops…quero dizer…coragem. No clipe “Three Pop Stars, One Song” (Três Estrelas Pop, Uma Canção), a espiã mais sexy da televisão no momento faz chacota – de uma só vez – com as cantoras Lady Gaga, Kate Perry e Ke$ha.

    Eu achei que ficou muito legal. E você? Comente!

     

    Posts Relacionados:

    Tags:
  • scissors
    January 26th, 2011Edu TeixeiraSéries

    Linda Carter será a enterna Mulher-Maravilha

    Tem certas ideias que nascem tão fundamentalmente erradas que é impossível entender como algumas delas seguem em frente. Deveriam ser metralhadas na hora. Fico imaginando uma reunião do staff do produtor e roteirista David E. Kelley, ele mesmo, aquele sobre o qual escrevi há poucos dias. O mestre das séries jurídicas, que acaba de lançar com relativo sucesso a boa “Harry´s Law”. Alguém levanta a mão e diz na maior cara de pau: “que tal fazermos um remake de Mulher-Maravilha?”. Em 99,9999% das vezes, todos ao redor da mesa morreriam de rir e a reunião seguiria como se o pobre coitado nada tivesse falado. Por algum motivo que nunca será esclarecido, em uma reunião específica, ninguém riu,  sequer uma pessoa de bom senso abriu a boca para protestar e a ideia prosperou. E o que é pior, outra reunião semelhante ocorreu na emissora que comprou o projeto (NBC) e o mesmo recebeu o sinal (ou semáforo, ou farol) verde para a produção do piloto. Dois raios caíram no mesmo lugar. Aliás, três raios, já que a NBC acaba de lançar a horrorosa “The Cape”. É impressão minha ou a emissora, que já nos deu “Friends”, “Sienfeld” e outros clássicos, agora quer concorrer com o CW?

    Não me entendam mal. Sou fã de super-heróis, do Batman e X-Men em particular, e li e ainda tenho muitos quadrinhos. Gosto de várias adaptações feitas para o cinema e tenho até calafrios de pensar em algumas feitas para a televisão. “The Flash”, por exemplo. O que é impossível de entrar na minha cabeça é a justificativa para fazer uma série de um personagem tão pouco popular, que já teve sua chance nos anos 70. A evolução tecnológica poderia ser uma explicação, se não fosse o fato de que efeitos especiais de boa qualidade custarem muito caro.

    A equação que me vem à cabeça fica assim: série cara + pouco apelo ao público entre 18 e 49 anos de idade = fracasso retumbante.

    Nos últimos dias surgiram notícias de que McG seria o diretor do piloto. Se o trabalho dele na franquia As Panteras (outra série que terá nova versão para a TV) não é uma unanimidade, gostei muito do resultado do piloto de “Chuck”. Trata-se de mais um nome de peso que, aparentemente, está ligado ao malfadado projeto. Posso estar errado? Lógico que sim. Até torço para estar. E você? O que acha?

    Posts Relacionados:

    Tags: , , ,
  • scissors
    January 14th, 2011Edu TeixeiraSéries

    Se você já conhece o calendário do blog, sabe que “Chuck” retorna do break de fim de ano na próxima segunda-feira (17/01/2011).

    Em “Chuck Versus The Balcony” (4×11), no meio de uma missão secreta em um vinhedo na França, nosso herói planeja outra. Chuck (Zachary Levi) vai a procura de um nano-chip e, ao mesmo tempo, tenta planejar uma escapada romântica com Sarah (Yvonne Strahovski). Na Buy More, Lester (Vik Sahay) procura Big Mike (Mark Christopher Lawrence) para contar seus próprios problemas românticos.

    No sneak peak abaixo, Chuck testa os limites da paciência de Casey ao chamá-lo de John John…

    Veja também o promo do episódio

    Posts Relacionados:

    Tags:
  • scissors
    December 5th, 2010Edu TeixeiraSéries

    Assista aos novos promos da NBC. No promo comedy finales (quintas-feiras), vemos um pouquinho da participação da Matt Damon em “30 Rock“.

    Já o promo sobre a midseason preview da NBC tem a nova série “The Cape“, e principalmente, muito “Chuck“.

    E também veja o novo promo de “The Cape” liberado em 2/12.

    Posts Relacionados:

    Tags: , , , ,
  • « Older Entries