Comic-Con San Diego, Séries de TV e Cinema A cobertura da Comic-Con feita por um brasileiro para brasileiros e muito mais!
  • Comic-Con 2011: O painel de “Chuck”

    1
    scissors
    August 20th, 2011Edu TeixeiraComic-Con, Séries

    Zachary "Chuck" Levi

    Chuck” foi lançada na Comic-Con de 2007 e assim como “The Big Bang Theory”, saiu de San Diego nos braços dos fãs. Infelizmente para a NBC, a série nunca conseguiu expandir sua base de audiência para a fatia não nerd dos telespectadores. A comédia da CBS teve muito mais sucesso nesse aspecto.

    De qualquer forma, as aventuras do espião Nescafé atraem regularmente mais de 4 milhões a cada episódio inédito segundo a Nielsen e quem gosta de “Chuck”, gosta muito. A cada fim de temporada o sofrimento era o mesmo. Somente com a ajuda de uma base muito fiel de fãs, a série – contrariando as expectativas – conseguiu chegar até sua 5ª e última temporada. Teremos mais 12 episódios para que as peripécias de Chuck Bartowski, sua família e amigos cheguem a um final digno.

    Se na Comic-Con nasceu, nada mais justo que na Comic-Con se despeça. Tive o prazer de estar no último painel de “Chuck” e era nítida a emoção de alguns dos atores e de muitos dos presentes no Ballroom 20 no terceiro dia da Comic-Con 2011. Camisetas de “Chuck” foram distribuídas na preview night e antes do painel e isso explica a grande quantidade de fãs “uniformizados” de técnicos da Nerd Heard da Buy More.

    O painel foi mediado por Michael Schneider da revista TV Guide que iniciou os trabalhos chamando um vídeo especialmente feito para a Comic-Con. Nele, o Capitain Awsome treina Morgan Grimes para ser o novo Intersect. O treinamento é inspirado no filme Rocky, o Lutador. Destaque para a música “Eye of the Tiger” do Survivor, cantada por ninguém menos que Jeffster.

    O mediador chamou na ordem os atores Mark Christopher Lawrence (Big Mike), Scott Krinski (Jeff Barnes), Vick Sahay (Lester Patel), Ryan McPartlin (Devon ‘Capitain Awsome’ Woddcomb), Adam Baldwin (John Casey), Joshua Gomez (Morgan Grimes), Yvonne Strahovski (Sarah Walker) e Zachary Levi (Chuck Bartowski). Em seguida foi chamado o produtor e criador da série Chris Fedak para completar a mesa.

    A seguir, minhas anotações do que aconteceu no painel:

    • O moderador faz referência ao painel do ano passado que não teve perguntas do público por ter perdido muito tempo na introdução dos atores. Segundo ele dessa vez haverá bastante tempo para os fãs: “Quando eu disser Tangiers, todos podem correr para o microfone”.
    • Scheneider: “Foi mais uma vez um sofrimento, nas no fim vocês conseguiram a 5ª temporada. Chris e os demais, por favor, falem de como é ter a chance de se despedir da maneira certa”. Fedak: “È incrível. Não é sempre que se tem a chance de se escrever o final desejado na televisão aberta. Alf (o ETeimoso) foi raptado por vilões e nunca soubemos o que aconteceu, pois a série foi cancelada”. Não são muitos que riem da piada. Alf não é exatamente uma série recente. Fedak continua: “Todos estamos muito felizes com essa oportunidade. Os escritores, o elenco e eu estamos muito excitados para fazer um grande final. Será muito divertido”.

      Yvonne Strahovski

    • Levi: “É um conjunto sortido de emoções. É uma benção a gente ter mais uma temporada na qual teremos muita diversão e teremos a chance de dar um adeus aos fãs o que é muito raro na televisão hoje em dia. Muito obrigado pessoal”.
    • Scheneider: “Josh, você é o Intersect agora. Nos fale a respeito”. Gomez: “PQP”. Essa piada todos entenderam. Gomez: “Acho que do jeito Morgan Grimes de ser, ele seguirá em frente a todo vapor. Acho que ao contrário do Chuck que pensa nas coisas e no bem estar das pessoas, Morgan quer machucar as pessoas e se vingar, então estou muito ansioso e apavorado”. Ele se vira para Levi e diz: “Eu tenho a sua agenda agora. É assustador. Eu não poderia estar mais feliz e espero que todos gostem…. Então veremos. Até agora, nada está bem”.
    • Scheneider: “E quanto ao Chuck? Ele não se importa de não ter mais o Intersect? Será que ele pode ainda ser um espião sem o Chuck-Fu?”. Fedak: “Em um mundo perfeito, ele aceitaria 100%, mas tirando a 1ª temporada, ele gosta de ter o Intersect. É difícil dizer adeus a essas habilidades, especialmente quando seu melhor amigo as tem agora, mas essaa temporada é uma volta ao começo para Chuck. Ele pensa em saídas inteligentes para os problemas e vamos voltar a isso. O Chuck tem que ser muito melhor agora. Ele terá que ser um espião sem os superpoderes”.Adam Baldwin
    • Scheneider: “Yvonne, você pôde chutar uns traseiros no episódio da Tailândia e em outros episódios. O que você espera fazer nessa temporada final? Como você acha que a Sarah evoluirá?”. Strahovski: “Espero ter um descanso agora que o Morgan assumirá a maioria das brigas, mas eu espero ter a chance de continuar a chutar traseiros. Eu adorei o episódio da Tailândia”.
    • Scheneider: “Adam…”. O público começa a aplaudir e gritar. Adam Baldwin é um dos favoritos da galera. Ele agradece. O moderador continua: “Ouvi dizer que talvez o Casey tenha um novo interesse romântico nessa temporada. Ele encontrará o verdadeiro amor?” Baldwin: “Defina verdadeiro”. Ele então olha um papel que aparentemente tem uma lista de coisas que podem e não podem ser ditas. “Ele encontrará um amor compatível. Humm. Qual o nome dela?”. Fedak: “Gertrude Verbanski. Fofo não?”.
    • Fedak: “O Chuck terá sua própria empresa de espionagem agora. A Carmicheal Industries e sua grande rival será a Verbanski Corporation. Será muito divertido. Haverá uma competição romântica”. Baldwin pergunta se pode indica alguém para o papel. Fedak: “Que tal a Betty White como Gertrude?” Boa! (*)

      Joshua Gomez

    • O moderador pergunta sobre o vilão da 5ª temporada. Fedak confirma que Mark Hamil, também conhecido como Luke Skywalker será o primeiro vilão. Haverá outros. Agora que a equipe está no setor privado, a CIA nem sempre estará do seu lado.
    • Fedak deixa claro que a atriz Bonita Friedericy (General Beckman) não saiu da série e estará na temporada final.
    • Scheneider: “Então Sr. Awsome, você e a Ellie tiveram um bebê, mas no final da temporada você começou a voltar para o mundo de Chuck. O que acontecerá com Devon e Ellie nessa temporada?”.  McPartlin: “Tenho várias ideias e tenho mandado várias notas para o Fedak”. Ele diz que o cabelo do Morgan tá cada vez mais parecido com o do Awesome e juntando isso com o romance do Casey, não sobre muito espaço para o Awesome nessa série.
    • O moderador explica que Sarah Lancaster (Ellie Bartowski) não pôde vir, mas manda lembranças.
    • Moderador pergunta como fica a situação de Big Mike, Jeff e Lester agora que a Buy More tem novo dono. Sahay pergunta se os três devem responder juntos e reclama que a pergunta poderia ter sido feita a apenas um deles: “Você poderia se dirigir individualmente. Eu sequer tenho um microfone só para mim” Fato.
    • Krinski comenta sobre um possível interesse romântico para Jeff.
    • Fedak: “Essa é a temporada que Jeff e Lester se separam… haverá uma grande guerra entre esses dois homens. Será muito dramático”.
    • O Jeffster com certeza terá um grande número musical de despedida na temporada final.
    • Fedak: “Alguém pode não sobreviver nessa temporada”.

      Scott Krinski e Vik Sahay

    • Moderador fala TANGIERS, a senha para público começar a formar a fila para perguntas.
    • Moderador pergunta como cada um gostaria que a série terminasse. Levi: “Sensacionalmente”. Gomez: “Não quero que acabe”. Strahovski: “Não tenho uma boa resposta. Adam…”. Baldwin: “Com a morte do Vic (o carro de Casey). Agora a resposta real. Eu ainda não estou convencido que acabará nessa temporada, mas eu não sei de nada…acredite no que estão dizendo”. McPartlin: “Acho que deveria haver uma trilogia tipo Lord of The Rings”. Sahay: “Um fim para o Lester igual ao do personagem de Willem Dafoe em Platoon. Uma morte gloriosa. De preferência em câmera lenta”. Krinski: “Acho que no fim da série deveria haver um bebê Jeff”. Sahay: “E como diabos isso aconteceria?”. Krinski::”Não seria nosso bebê”. Sahay: “Por favor, esclareça”. Krinski: “Tipo o resultado de um caso de uma noite”. Sahay: “Com outras pessoas!”. Krinski: “Isso. Com outras pessoas”. Esses dois são impagáveis.
    •  Lawrence: “Assim como todo o show foi até agora, deve terminar engraçado”.
    • Começam as perguntas do público. Minha paciência está curta no 3ºdia. Vou anotar somente o que eu achar interessante.

      Mark Christopher Lawrence

    • Fã pergunta sobre um possível spin-off com Casey e Morgan nos moldes  de “Odd Couple”. Os atores levam na brincadeira como se a sugestão fosse para eles serem um casal nessa “nova série”. Gomez brinca que está ela sendo desenvolvida. Levi brinca dizendo que eles não querem ser o Joey, o spin-off de Friends. McPartlin intercede defendendo Joey.
    • Fã pergunta para Levi sobre sua memória favorita da série. Levi: “O tempo que passei nas Comic-Cons com vocês. Tenho que dizer que foi vir à San Diego no primeiro ano. Eu estava tão feliz de ter sido convidado”.  Ele continuou: “Tinham 2000 pessoas na exibição do piloto e as 2000 pessoas eram fãs de Firefly. Era um salão menor e eu comecei a chorar quando todos aplaudiram de pé”.
    • Fã pede um abraço. Levi: “High fives de graça nesse fim de semana todo”.
    • Fedak diz que Devon e Ellie participarão mais ativamente das histórias. Ellie agora sabe que Chuck é um espião.
    • Moderador pergunta se Linda Hamilton voltará e Fedak diz que sim.
    • Fã: “Gostaria de saber qual a cena de ação favorita de vocês”. Levi: “Eu gosto da cena que caio de uma varanda em uma piscina com o Adam”. Strahovski: “A cena que lutei em uma passarela de desfile de moda”. Baldwin: “A minha foi uma cena que o Zach caiu do telhado e eu o peguei com um braço. Foi difícil, mas eu consegui”. McPartlin: “A cena Pulp Fiction que fiz com Brandon Routh quando enfio uma agulha enorme no peito dele”. Sahay: “A minha foi…peraí, eu não tive uma”. Lawrence: “Só tive três e gotei de todas, mas escorregar pelo balcão foi a melhor”.

      Ryan McPartlin

    • Fã: “Essa temporada irá explicar por que o cérebro de Chuck é tão especial? Parece que outras pessoas estão conseguindo o Intersect facilmente. Vocês vão explicar a ciência por trás disso?”. Fedak: “Bem, vamos dizer o seguinte…”. Nesse momento Baldwin passa a cola com o que não pode ser dito no painel para o produtor. Levi e muitos presentes caem na gargalhada. Depois de se enrolar muito para responder, Fedak diz: “Cada pessoa reage de forma diferente quando tem o Intersect”. Essa foi a melhor pergunta do painel. Dificilmente alguma que virá será melhor.
    • Strahovski diz estar curiosa para ver a “cara de flash do Morgan: “Você tem treinado? Poderia nos dar uma demonstração?”Gomez: “Eu não posso. Isso é um spoiler grande demais”. Levi puxa o coro de “FLASH, FLASH, FLASH, FLASH…”.  Gomez conta que foi na sala dos roteiristas e perguntou se teria que fazer a “cara de flash” exatamente igual a de Levi. Ele diz ser impossível imitar, mas tenta. Nem preciso dizer que a cara era impagável.
    • Um fã pede um disco de grandes sucessos e uma turnê de despedida do Jeffster. Sahay: “Considere feito”.
    • O moderador pergunta sobre a vida após a morte de Chuck: “algum filme ou spin-off no futuro?”. Fedak: “Adoramos a ideia e o nosso show será sempre uma aventura de continuação. Eu adoraria que o fim da série fosse apenas um início de novas aventuras. É um elenco tão legal. Eu acho que realmente deveria haver um show do Capitão Awesome na televisão”.
    • Moderador: “Em outras palavras, continuem a comer sanduíches do Subway”. Fedak: “Isso. Continuem”. A rede de lojas de sanduíche é a principal patrocinadora de Chuck.
    • Fã pergunta o quanto cada um contribuiu para o desenvolvimento de seu próprio personagem. Levi: “Muito pouco”.
    • Vale a pena dizer que as perguntas do público estão bem acima da média. Uma lição para os fãs de Dexter que abusaram das perguntas ridículas ontem.
    • Fã pergunta se algum dia veremos um episódio de Chuck filmado na Comic-Con. Fedak: “Adoraríamos, mas na verdade é complicado. Chegamos a pensar em trazer a equipe de câmeras conosco para filmas algumas coisas e usar no futuro, mas não deu.”
    • Última pergunta. O público lamenta.

    Joshua Gomez, Zachary Levi e Chris Fedak

    • Fã pergunta quem ganharia uma luta entre Casey e Janey (personagem de Baldwin em Firefly). Baldwin: “Esse é um painel de Chuck, logo Casey venceria”.
    • O moderador abre o microfone para os atores se despedirem do público. Momento bastante emocionante. Fedak agradece o público presente por todo apoio e agradece também aos sanduíches Subway. Levi com os olhos cheios de lágrimas diz que todos aqui são épicos e sensacionais. “Gostaria de agradecer à Comic-Con de San Diego por nos deixar vir aqui 5 anos atrás e começar tudo isso”.
    • E o painel termina com todos aplaudindo de pé. O público e os participantes.
    • (*) Depois da Comic-Con foi divulgado que a atriz Carrie-Anne Moss (“Matrix”) fará o papel de Gertrude Verbanski.

    Posts Relacionados:

    Tags: ,